Tempo

Em primeiro lugar quero agradecer ao Turtleboy e ao Oráculo por não deixar esse blog às moscas. Entrei aqui por acaso com vontade de escrever e achando que o último post era meu ainda e de repente me deparo com um novo post do nosso querido Turtleboy. Fiquei surpreso! Já o Oráculo foi àquele fiel leitor de nossas histórias, devemos muito pelo que ele fez sem compromisso com ninguém.

Mas, indo direto para o que vou contar...

Agora, são 22:42 numa segunda-feira, 14 de janeiro de 2008. É mais ou menos assim que meu dia é. De férias e sem nada para fazer, eu, aproveito para marcar o tempo. (Há como ficar mais entediado do que isso?). Na verdade, eu tenho muitos afazeres, no entanto são meros passa-tempos. Assim, coube a eu ficar depressivo...
Assistir anime, ler manga, ir a praia ou ao cinema, alugar um filme, jogar videogame ou até mesmo conversa com gente pelo o MSN e orkut não são mais prioridades para mim. Nada se compara perto do que vai acontecer no dia primeiro de fevereiro de 2008. Com certeza, vocês, vestibulandos de 2007, já sabem do que eu vou falar. Classificação da UFRJ. Mato-me nesses dias, porque sei que com a nota que tirei tudo ainda é possível, podendo passar ou não passar. Mas, como eu sou um otimista em pessoa aposto tudo que eu tenho que eu serei aprovado!

É assim que tudo vai se desenrolando, pois uma pessoa que aposta tudo se comporta graficamente assim: num gráfico onde não constância. São altos e baixos que formam o gráfico. Em outras palavras, se eu conseguir entrar na faculdade, simplesmente, viverei o meu ápice. Caso contrário, posso chegar no inverso. E é aí que mora o perigo... Viver numa vida de altos e baixos gera pra qualquer equilibrado um dano irreparável.

Bom, eu fico por aqui... Espero que tenha sido claro.
Volto no dia primeiro!

See you later!

Force Jogos

1 comentário

Oráculo em 23 de janeiro de 2008 03:52

A maior virtude de um homem é encontrar o equilíbrio no desequilíbrio, o amor na cólera, o descanso na tempestade. Enquanto se mantiver superior ao acaso, serás sempre feliz.